Antonio da Emater com Casagrande. Foto: Facebook Antonio

O diretor-presidente do Incaper, Antônio Carlos Machado, destacou a atuação dos servidores e agradeceu também à Seag, ao Governo do Estado e à bancada federal

O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) ganhou mais um reforço para investimento em infraestrutura. O Governo do Estado autorizou a liberação de R$ 3,2 milhões para reequipar o Instituto. Além disso, a Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPADR) da Câmara dos Deputados aprovou uma emenda no valor de R$ 6 milhões para o Espírito Santo.

A aprovação da emenda é fruto da articulação entre o Incaper, a Secretaria de Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) e os deputados e senadores capixabas, em Brasília. Os recursos serão aplicados no fortalecimento e na reestruturação do Incaper, contribuindo assim para otimizar ainda mais as entregas aos agricultores.

- CONTEÚDO PUBLICITÁRIO -

“Nós recebemos com muita alegra a destinação de 6 milhões de reais para reforçar a estrutura do Incaper. É um órgão que lança grandes resultados, impulsionando fortemente o desenvolvimento da nossa agricultura, e que merece o esforço da Secretaria para estar sempre bem aparelhado e tenha possibilidade de fazer pesquisa, assistência técnica e extensão rural com excelência”, disse o secretário de Estado de Agricultura, Paulo Foletto.

Já o diretor-presidente do Incaper, Antônio Carlos Machado, destacou a atuação dos servidores e agradeceu também à Seag, ao Governo do Estado e à bancada federal. “Nos últimos anos houve sucessivas reduções no orçamento do Incaper, o que impôs uma fragilidade na execução das ações do Instituto. Um grupo de servidores, com o apoio da Fundagres, elaborou um documento que sintetizou muito bem as necessidades da instituição. A Seag, o Governo do Estado e os nossos deputados e senadores foram sensíveis à situação e reconheceram a importância do Incaper. Estamos muito gratos”, afirmou Machado.

O diretor-presidente do Incaper lembra a defesa feita pelo deputado Evair de Melo. “Ele conhece a instituição, e destacou a necessidade de investimentos estruturantes para que o Incaper continue fazendo um trabalho de qualidade. Em nome de todos os servidores e de todos os que trabalham para o desenvolvimento da agricultura familiar, o nosso muito obrigado”, acrescentou o diretor-presidente do Incaper.

O deputado federal Evair de Melo também comemorou a aprovação da emenda. “Não há como conter a alegria de, junto com nossa bancada federal, destinar emenda impositiva no valor R$ 6 milhões de reais para nosso Incaper. Justo e merecido reconhecimento a essa Instituição e a esses profissionais que tanto fazem pelo Espírito Santo”, publicou o deputado em suas redes sociais.

Veja como serão aplicados os recursos federais:

Pesquisa: Serão adquiridos veículos, motocicletas, tratores e implementos agrícolas para as Fazendas Experimentais e Centros de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação do Incaper, e de equipamentos para seus Laboratórios de Pesquisa.

Informação: Também está prevista a aquisição de equipamentos para a produção de conteúdo, a fim de capacitar técnicos, agricultores, e disponibilizar as informações produzidas pelo Incaper a todos os capixabas, garantindo mais transparência às ações.

Meteorologia: Serão adquiridos equipamentos para a modernização da infraestrutura computacional e tecnológica para as previsões meteorológica, agrometeorológica e agroclimática, elaboradas pela Coordenação de Meteorologia (CMET) do Incaper.

Infraestrutura: Aquisição de equipamentos e mobiliário adequados para a recomposição e reestruturação das unidades do Incaper espalhadas por diferentes municípios capixabas.

Recursos estaduais para computadores e veículos

Foi publicado nessa quarta-feira (23) um decreto que destina um crédito suplementar no valor de R$ 300 mil, utilizados para totalizar a compra de mais de duzentos computadores. O planejamento de modernização de infraestrutura física e tecnológica do Incaper havia sido apresentado ao Governo, e autorizado pelo governador Renato Casagrande.

Também para ampliar a estrutura de apoio à agricultura familiar capixaba, o Incaper adquiriu 48 novos veículos. Os carros foram comprados com recursos na ordem de R$ 2 milhões, repassados pelo Governo do Estado. O pregão foi realizado nessa terça-feira (22). Os veículos serão destinados às atividades de pesquisa, assistência técnica e extensão rural em diversos municípios capixabas.

“Tínhamos esta promessa para com o Incaper, de comprar novos carros e novos computadores. Os equipamentos estavam obsoletos, os servidores desestimulados de trabalhar com equipamentos tão precários. Estamos reequipando o Incaper para trabalharmos, junto com os servidores, em condições adequadas. Só assim vamos garantir o equilíbrio sustentável para o desenvolvimento das ações de pesquisa, assistência técnica e extensão rural”, pontuou Foletto.

Texto: Juliana Esteves