Os exames digitais terão a opção de agendamento com tradução simultânea em vídeo feito em Língua Brasileira de Sinais (Libras)

O Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) disponibiliza, a partir desta segunda-feira (1º), prova teórica especial de legislação de trânsito para pessoas surdas obterem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Os exames digitais terão a opção de agendamento com tradução simultânea em vídeo feito em Língua Brasileira de Sinais (Libras). O tempo de duração da prova teórica também será modificado, passando dos atuais de 50 minutos, para 1h40.

As alterações promovidas pelo Detran|ES vão ao encontro das queixas de associações de surdos, a exemplo da Associação de Integração dos Surdos de Vitória (Asurvi). Devido às diferenças na tradução da Libras, muitos surdos têm atualmente dificuldade na interpretação dos questionários quando os intérpretes traduzem.

- CONTEÚDO PUBLICITÁRIO -

Os exames digitais em Libras atendem, ainda, de maneira mais eficaz, exigências do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), no Art.147-A, que assegura ao candidato com deficiência auditiva acessibilidade de comunicação em todas as etapas do processo de habilitação.

O diretor geral do Detran|ES, Givaldo Vieira, destaca que o órgão pretende se adequar às principais medidas, dentro da legalidade, que garantam aos capixabas mais oportunidades para ter acesso à CNH.

“A Carteira de Habilitação representa para as pessoas a liberdade, a independência, e também, para muitos, uma possibilidade a mais de ingresso no mercado de trabalho. E as oportunidades têm de ser oferecidas, com dignidade, a todos, como nesta justa iniciativa que beneficia os surdos. Vamos seguir investindo em tecnologias assistivas, informatização e qualificação técnica para promover acessibilidade no que diz respeito ao trânsito”, afirma.

O diretor geral acrescenta que, com a tradução simultânea em vídeo, não haverá mais a necessidade de contratação de interpretes de Libras para as provas teóricas digitais.

Prova prática

A modalidade continuará a contar com a presença do intérprete, que acompanha todo o percurso da prova, permanecendo no banco traseiro do veículo, atrás do motorista, enquanto o candidato transita em via pública. O tradutor/intérprete também traduz o resultado da prova, conforme apresentado pelo examinador, prestando os esclarecimentos que se fizerem necessários.

Serviço

Para agendar as provas teóricas digitais com tradução simultânea em Libras, o usuário precisa fazer contato com a Coordenação de Provas do Detran|ES, por meio do telefone (27) 3137-2646.

O Detran|ES informa que a prova especial teórica será ofertada também para os deficientes auditivos que já são condutores no processo de renovação e nos cursos de atualização, de reciclagem de condutores infratores e de especialização.