Reafirmando a analogia entre os cuidados que as pessoas têm de ter para um trânsito seguro e para evitar a transmissão do novo coronavírus (Covid-19), o Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES) chama a atenção dos capixabas, a partir de campanha educativa, sobre a importância da empatia com a vida do próximo na hora da tomada de decisões nas vias.
O tom leve, casando animação com imagens reais de vias e pontos de Vitória, bem como personagens que representam profissionais e pessoas que exercem atividades essenciais neste momento de pandemia, foi adotado pelo Órgão para conclamar a sociedade mais uma vez para um pacto pela redução de acidentes no trânsito representado pela frase “Nossa atitude no trânsito muda tudo”.
O vídeo mostra profissionais, a exemplo de médico, entregador e mecânico, transitando ou trabalhando ao passo que adotam medidas corretas no trânsito, como o uso do cinto de segurança, do capacete, o respeito à distância de segurança entre veículos, ao semáforo e à preferência para o pedestre. Ao mesmo tempo os personagens seguem o protocolo de segurança para minimizar a transmissão do novo coronavírus, como o uso de máscara e o isolamento social em suas casas.
O diretor geral do Detran|ES Givaldo Vieira explica que a ideia principal da campanha é incentivar um ciclo de bons exemplos no trânsito, um ciclo de respeito à vida das pessoas, pois este, como diz as peças da campanha, vai e volta para quem o praticou. “Lembremos que até maio deste ano 268 pessoas perderam a vida no Espírito Santo devido aos acidentes de trânsito por motivos de imprudência, imperícia, por falta de responsabilidade. Junto ao novo coronavírus, que já vitimou cerca de 1500 capixabas, os acidentes continuam sendo vilões das famílias e eles têm uma característica em comum que destacamos na campanha: as ações individuais podem salvar vidas, pois impactam diretamente no bem coletivo”, afirma Givaldo Vieira.
Diretor geral do Detran|ES Givaldo Vieira. Foto: Secom
A campanha entrou no ar nesta semana em emissoras de tevê, rádio, portais e redes sociais. O Detran|ES lembra que a última campanha realizada, com o tema Maio Amarelo, alcançou, apenas nas redes sociais do Órgão, mais de 400 mil pessoas, e que o investimento em campanhas educativas é uma determinação do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e é feito com recursos provenientes de multas de trânsito.
CONTEÚDO PUBLICITÁRIO