publicidade

 

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) informa que os sistemas de emissão eletrônica da Guia de Trânsito Animal (e-GTA) e de Permissão de Trânsito de Vegetais (e-PTV) já estão funcionando.

Os sistemas ficaram temporariamente inativos em razão da renovação do certificado digital, que permite a integração com a Receita Federal. Nesse período, os documentos sanitários puderam ser emitidos diretamente nos escritórios do Idaf. A e-GTA voltou a ser emitida desde a última sexta-feira (08) e a e-PTV foi normalizada nesta segunda (11).

Os documentos

A PTV é obrigatória para o transporte de determinados produtos vegetais, como banana e citros, por exemplo, para fora do Estado. O documento é fundamentado por um Certificado Fitossanitário de Origem (CFO), emitido por um engenheiro agrônomo habilitado, a fim de comprovar se a carga está adequada, evitando a disseminação de pragas que possam afetar as lavouras.

Já a Guia de Trânsito Animal (GTA) é exigida para o transporte intraestadual de animais, como bovinos, bubalinos, ovinos, caprinos, suínos, aves, entre outros, juntamente com documentos sanitários, que variam de acordo com a espécie.

publicidade