conteúdo publicitário

Com o mandado de prisão expedido por um juiz, o padrasto e a mãe ficarão presos temporariamente por 30 dias

Após incessantes dias de trabalhos das polícias Militar e Civil de Ecoporanga, na manhã deste domingo, 16, o homem identificado como Geisel Carlos de Oliveira, 43 anos, que é acusado de estupro e homicídio qualificado, foi capturado no meio do mato, próximo a localidade onde fica sua residência. Geisel estava escondido no alto de um morro dentro de um matagal, local estratégico para avistar as viaturas.

conteúdo publicitário

Policiais militares foram a pé e efetuaram a varredura em toda área, e tiveram êxito, o acusado estava deitado no mato com um cobertor e uma garrafa de café ao seu lado.

Esse foi um serviço ininterrupto de todas as equipes das polícias Militar e Civil, que após três dias de trabalho, o foragido foi capturado. Geisel foi encaminhado para a Delegacia de Barra de São Francisco, e será ouvido pelo delegado Leonardo Forattini, já a mãe da criança segue presa.

Após ouvir seu depoimento, o delegado entendeu que ela pode ter participação no caso, considerando que a mãe omitiu o fato para a polícia. Com o mandado de prisão expedido por um juiz, o padrasto e a mãe ficarão presos temporariamente por 30 dias.

Vários moradores de Joassuba e Itapeba colaboraram com os trabalhos da polícia de Ecoporanga, para a prisão do acusado.

Fonte: Agitaeco